Lojistas brasileiros aumentam renda em 60% vendendo itens de moda na Shopee

O casal Rodrigo e Tamires Cruz abriram o e-commerce “Inovar 33 Moda Feminina” em 2020 e de lá para cá montaram uma equipe de mais de 20 funcionários, alugaram um espaço para estoque de produtos e produzem peças próprias

SÃO PAULO, 17 de agosto de 2023 /PRNewswire/ — O setor de moda tem crescido no Brasil. Segundo levantamento realizado pelo Sebrae com dados da Receita Federal, mais de 440 milhões de brasileiros abriram um negócio ligado à moda em 2020 e 2021, o que representa um aumento de 16,5%. O casal Rodrigo e Tamires Cruz é um exemplo de como investir no segmento pode ser promissor: eles possuem uma loja online na Shopee, plataforma de comércio eletrônico que conecta vendedores, marcas e consumidores, além de duas lojas físicas no Brás, zona leste de São Paulo. Com o e-commerce, o casal viu sua renda aumentar 60%.

Rodrigo era motorista e Tamires já trabalhava como vendedora e gerente em lojas de roupas. Optaram por investir em uma marca própria em 2016, com uma loja física no Brás chamada Inovar Moda Feminina. No entanto, com a pandemia de Covid-19 em 2020, viram a necessidade empreender também no online, com a Inovar 33. “Decidimos abrir uma loja online na Shopee. A ‘Inovar 33 Moda Feminina’ começou com dois modelos de roupas e hoje já temos seis, do tamanho P ao plus size. Nós nunca havíamos pensado em ter um negócio online, mas acertamos muito ao entrar no marketplace. Nossas vendas subiram muito e rapidamente”, explica Rodrigo. 

O empreendedor conta que no começo guardava o estoque de roupas no quarto da filha, mas que com a repercussão positiva das vendas online, alugou um espaço maior para guardar as mercadorias. Atualmente, ele tem 2 lojas físicas e uma loja online na Shopee, além de mais de 20 funcionários. 

“Entre 2020 e 2021, conseguimos comprar uma nova casa e mudar para um condomínio mais seguro, construir uma casa de campo e ainda manter nossa família estruturada. Entrar para a venda online via Shopee nos proporcionou escalar nossas vendas e gerar empregos direta e indiretamente”, analisa Rodrigo. 

Recursos educacionais na Shopee

A Shopee possui mais de 3 milhões de lojistas brasileiros registrados e 9 entre cada 10 vendas desses vendedores são de uma loja com CNPJ. Além disso, a empresa possui o Centro de Educação do Vendedor, que já capacitou mais de 60 mil empreendedores em mais de 30 tipos de cursos. O empreendedor Rodrigo também está nessa lista, além de realizar treinamentos, utiliza ferramentas como o Shopee Ads, por exemplo, para alavancar as vendas da Inovar 33. 

A capacitação profissional dos vendedores também está na lista de prioridades da Shopee, que está continuamente investindo em melhorias e inovações. A Shopee promove também o Programa de Aceleração de Vendedores em que é compartilhada as melhores práticas de utilização da plataforma. Atualmente, a ação tem mais de mil participantes por mês em seus treinamentos que abordam temas como: Cadastro de anúncios, Decoração da Loja, Campanhas da Shopee e Promoções de Desconto, Ferramentas de Marketing, Shopee Ads e Dicas Estratégicas.

“Observamos nos últimos anos que pequenos e médios lojistas encontraram na digitalização uma oportunidade de iniciar o seu próprio negócio, outros viram a possibilidade de aumentar os resultados de suas lojas, ou ainda temos aqueles vendedores que sentiram a necessidade de se reinventar. Queremos oferecer ao lojista uma jornada completa, com cursos, ferramentas e programas, para que todos possam se beneficiar da economia digital”, comenta Felipe Lima, responsável por Desenvolvimento de Negócios na Shopee.

Conheça mais detalhes do Rodrigo e da Tamires Cruz no link para o vídeo com a história dos empreendedores. 

Foto – https://mma.prnewswire.com/media/2188865/DSCF1610__1.jpg

FONTE Shopee

SOURCE Shopee

Originally published at https://www.prnewswire.com/news-releases/lojistas-brasileiros-aumentam-renda-em-60-vendendo-itens-de-moda-na-shopee-883191532.html
Some images courtesy of https://pixabay.com